Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

jornada23

jornada23

Folga

É passar o dia a ver filmes e nos intervalos aproveitar para dançar feita parva pela casa....acontece!!

Acho que estou com saudades

- do chouriço assado

- do carapau e da dourada assada

- dos donuts clássicos

- do bacalhau com natas

- do arroz de pato

- da batata a murro

- dos bolos: mil folhas, merendinha, guardanapo....

- dos iogurtes de chocolate da Nesquik

- do Yoplait de chocolate

- dos croissants húmidos do Pingo Doce

- das carcaças

- das Lays camponesas

- da broa de milho

- da melância portuguesa

 

.....

Opah, ficava aqui o dia! Não fazem ideia a falta que estes petiscos me fazem!!! 

 

Maio

Maio ainda não acabou mas mesmo assim tem-se mostrado no mês com maiores dores de cabeça desde que aqui cheguei! Para acrescentar, a desilusão que certas pessoas me dão ajuda a piorar a situação.

 

 

Bullying

Quando vi imensas publicações no facebook sobre um vídeo em que umas quantas raparigas e um rapaz agrediam outro rapaz fiquei em choque. Quando tive oportunidade de ver o vídeo hesitei por momentos - odeio visualizar qualquer tipo de agressão - acabei por ver, passar à frente e chegar num ápice ao final do vídeo, não durou os 13 minutos do vídeo.

Repudiada, foi o que fiquei. Aquele vídeo causou-me um transtorno imenso! Ver a cara do rapaz, ali impotente, no meio de um grupinho que se acha o maior só porque prevalece em quantidade...Qualidade, zerinho! 

Passado um tempo de ver o vídeo veio ao de cima tudo aquilo que estudei durante  os meus 5 anos de Faculdade e, sabendo minimamente pelo menos, é mais que óbvio que estes agressores acabam por ser vítimas também. É algo real, ao qual não nos deve passar ao lado, é mais que óbvio que aquelas alminhas devem ter tido uma vida desequilibrada, seja o que for, mas custa saber que essas vivências acabam por prejudicar alguém que em nada tem culpa. Embora possa haver motivo para estas situações terem chegado até aqui, sou da opinião que as consequências têm que ser realizadas e os agressores punidos.

Movie Time # The Best of Me

"I don't have much to offer, but I promise you can have the best of me"

 

16024656-standard.jpg

 Há muito que já não fazia uma tag destas, continuo a devorar filmes mas esqueço-me de mencionar aqueles que me tocam mais. The Best of Me é baseado num livro de Nicholas Sparks por isso já estão a ver não é? É romance, é amor, é chorar! É daqueles que se contar um pouco a mais, estrago a história toda. É um bom filme para ver e traz situações inesperadas que dão um toque especial ao filme.

 

Se todos os dias fossem como hoje

a falar no skype com a minha mãe, esta distância seria muito mais fácil de superar. 

Sabe bem rir, contar as cusquices da semana, ouvir o meu irmão com aqueles gritos irritantes que me fazem pensar como é que já tem quase 30 anos, falar de coisas sem ser a pressão de viver noutro país.

 

2b31666f1a20cdbca4678e588260ccdd.jpg

 

Assistente de Loja

Ser assistente de loja é ter um sorriso na cara e pensar mil e uma asneiras enquanto se sorri para o cliente (em alguns casos!!) É incrível a capacidade que certos clientes possuem em tornar o dia do assistente uma miséria! Em contrapartida, há os clientes que tecem elogios, sorriem, compreendem que não somos máquinas mas sim humanos com perninhas como todos, não com asas nos pés.

Hoje é daqueles dias!!! 

Fun Fair

Não, eu não voltei à feira! (não é que não estivesse com vontade...) Só queria partilhar com vocês três diversões que me estão no coração: uma que é a minha preferida, outra que nunca deixo de andar em qualquer feira local e a última aquela que posso afirmar que nunca mais irei andar.

 

tp1.jpg

Esta é sem dúvida a minha diversão favorita. Fiquei apaixonada quando andei pela primeira vez na Bélgica, talvez com os 12/13 anos e desde então nunca só tinha andado mais uma outra vez, novamente na Bélgica pelos meus 17 anos. Esta diversão é aquela que me aquece o coração. Adoro sentir-me num baloiço a uma velocidade considerável e com o vento a bater-me na cara. Adoro, adoro, adoro! E para quem tem oportunidade de experimentar, tenho a certeza que não se irá arrepender!!

 

waltzer_ride.gif

Esta é aquela que eu não deixo de andar! Conheci aqui em Inglaterra e já me deixou com tonturas de morte! A verdade é que são apenas carrinhos que rodam em cima da plataforma e cada um tem uma outra plataforma que as faz rodar individualmente com o movimento (com mais ou menos força). Até aqui poderia soar a algo simples, não fosse esta diversão ter uns 2 ou 3 homens lá em cima a girar o teu carrinho de cada vez que há uma subida. Acreditem, parece inofensivo mas deixa sequelas engraçadas!

 

2724401852_a90cd76d38.jpg

Este é o tal. Aquele que afirmo com segurança que nunca mais irei andar! Quando vimos este bichinho em acção eu disse logo "Vão vocês, eu não entro ali". Acontece que o príncipe tem poderes de persuasão e disse-me tranquilamente que não ia ser nada de mais, embora eu soubesse que ODEIO ficar de cabeça para baixo.

O resumo da minha viagem foi: não abri os olhos uma única vez; gritei duas vezes, depois apercebi-me que estava a entrar em pânico e passei a viagem num silêncio cortante só a respirar fundo e a ouvir de 5 em 5 segundos o príncipe a perguntar "estás bem?" (devia pensar que eu tinha desmaiado); sentia um aperto horrível do banco na minha bexiga cada vez que estava de cabeça para baixo; segurei-me com tanta força ao banco que quando sai doía-me imenso o pulso.

Aviso para os mais sensíveis: Nem sequer experimentem! 

 

(Imagens retiradas da internet)

Pág. 1/2